Consórcio sugere mais 20,5 km de metrô

[REPRODUÇÃO DE NOTÍCIA]
Fonte: A Tarde

Entre as propostas para destravar o trânsito e o transporte público de Salvador apresentadas ao governo do estado, o consórcio Invepar aponta numa solução de longo prazo que considera definitiva: mais 20,5 km de linha de metrô, ligando Lauro de Freitas a Salvador, através da Avenida Paralela.


Na Bonocô, a linha se liga com o trecho existente de metrô, que vai da Lapa ao Acesso Norte, mas tem previsão de ser completada até Pirajá. A aposta no metrô se justifica, segundo a Invepar explicou em nota, por ser o único modal de transporte capaz de ampliar a capacidade de transporte de passageiros, sem a necessidade de novos investimentos em obras de infraestrutura.

O metrô proposto pela Invepar é capaz de atender bem o crescimento do número de usuários, natural com o aumento da população, até 2050, para quando é projetada uma demanda diária de 1,2 milhão de passageiros. Operando com intervalos de três minutos entre as composições (trem com seis carros) é possível transportar até 37,8 mil passageiros, num único sentido, nas horas de pico.

Mas o número pode ser ampliado com o investimento na compra de mais trens e com a diminuição do intervalo entre as composições. A capacidade máxima de um metrô é apontado entre 80 mil e 90 mil passageiros na hora de pico. Com a integração com a linha do metrô, da Lapa a Pirajá, a Invepar espera uma demanda diária de 377 mil passageiros, em 2010, crescendo para 711 mil, em 2030.

Capacidade

O metrô possui maior capacidade no transporte de passageiros que um sistema de ônibus BRT (Trânsito Rápido por Ônibus, na sigla em inglês) ou um sistema de monotrilho. O número máximo de passageiros por hora calculado para um sistema BRT é de levar até 45 mil passageiros por hora, por sentido.

Já o monotrilho suporta até 49 mil, ou 60 mil, segundo estimativa de outros dois dos sete projetos apresentados para atender ao Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI), promovido pelo governo do Estado, para implantar um sistema de transporte público entre Salvador e Lauro de Freitas, com vistas à Copa do Mundo de 2014.

Na próxima segunda-feira, 20, a proposta vencedora será anunciada pela Secretaria Estadual do Planejamento (Seplan). A partir da definição do projeto, será aberta a licitação onde todos podem concorrer em igualdade de condições.

Integração

A proposta da Invepar prevê a integração física da linha Lauro de Freitas – Acesso Norte com a linha Lapa – Pirajá do metrô, por meio da Estação Bonocô.

Com isso, o metrô passa a funcionar num sistema em “Y”, com a viagem entre Lauro de Freitas e Lapa em 45 minutos. Está prevista ainda a integração tarifária com linhas de ônibus que alimentam o sistema.

Indicadores do metrô da Invepar

Orçamento: R$ 3 bilhões
Gestão Parceria Público-Privada (PPP)
Subsídio anual: R$ 50 milhões
Velocidade média na hora de pico: 38 km/h
Tempo de viagem do usuário integrado: 32 minutos
Tempo médio embarcado: 12 minutos
Capacidade máxima: 80 mil passageiros nas horas de pico
Paradas: 10 estações na linha 2 (Lauro de Freitas-Bonocô)
Trajeto: 20,5 km (Lauro de Freitas-Bonocô) e outros 12 km (Lapa-Pirajá)
Tarifa integrada: R$ 3,55
Custo por passageiros: R$ 3,19

Link: http://www.atarde.com.br/cidades/noticia.jsf?id=5735814

Eduardo Lima

Eduardo Lima

Idealizador do Portal Transporte em Debate-Bahia, meio doido, fanático por Transporte Urbano, e estudante nas horas vagas...

More Posts - Website - Facebook

Eduardo Lima

Eduardo Lima

Idealizador do Portal Transporte em Debate-Bahia, meio doido, fanático por Transporte Urbano, e estudante nas horas vagas...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *